CASODEX

1103 | Laboratório ASTRAZENECA

Descrição

Princípio ativo: Bicalutamida,
Ação Terapêutica: Antiandrogênicos

Apresentação

Embalagem com 28 comprimidos revestidos de 50 mg.
USO ADULTO. USO ORAL.

Indicações

Câncer de próstata avançado (metastático): Tratamento de câncer de próstata avançado em combinação com o tratamento com análogos do LHRH ou castração cirúrgica. Tratamento de câncer de próstata metastático em pacientes nos quais a castração cirúrgica ou medicamentosa não está indicada ou não é aceitável. Câncer de próstata não-metastático: Tratamento de câncer de próstata não metastático localmente avançado em pacientes nos quais o tratamento hormonal imediato é indicado.

Dosagem

Câncer de Próstata Avançado (Metastático)- Tratamento de câncer avançado da próstata em combinação com o tratamento com análogos do LHRH ou castração cirúrgica: 1 comprimido de 50 mg uma vez ao dia. O tratamento deve ser iniciado ao mesmo tempo que o tratamento com o análogo do LHRH ou a castração cirúrgica. Tratamento de câncer de próstata metastático em pacientes nos quais a castração cirúrgica ou medicamentosa não está indicada ou não é aceitável:3 comprimidos de 50 mg uma vez ao dia. Câncer de Próstata Não-Metastático- 3 comprimidos de 50 mg uma vez ao dia.

Contra-indicações

Casodex está contraindicado para mulheres e crianças. Casodex não deve ser administrado a qualquer paciente que tenha demonstrado reações de hipersensibilidade substância ativa ou a qualquer dos componentes do produto.

Reações Adversas

A ação farmacológica de Casodex pode originar certos efeitos adversos os quais, entre os mais comuns, incluem: Uso em combinação com castração para câncer de próstata avançado (metastático): anemia, tontura, ondas de calor, dor abdominal, constipação, náusea, hematuria, ginecomastia, dores nas mamas, astenia, edema, diminuição do apetite, diminuição da libido, depressão, sonolência, infarto do miocárdio, falência cardíaca, dispepsia, flatulência, hepatotoxicidade, icterícia, hipertransaminasemia, alopecia, hirsuitismo, crescimento de cabelo/ erupção cutânea, pele seca, prurido, disfunção erétil, dor no peito e aumento de peso.Uso em monoterapia para câncer de próstata não metastático: erupção cutânea, ginecomastia, dores nas mamas, astenia, anemia, diminuição do apetite, diminuição da libido, depressão, tontura, sonolência, ondas de calor, dor abdominal, constipação, dispepsia, flatulência, náusea, hepatotoxicidade, icterícia, hipertransaminasemia, alopecia, hirsuitismo, crescimento de cabelo, pele seca, prurido, hematuria, disfunção erétil, dor no peito, edema e aumento de peso.

Precauções

Casodex é extensamente metabolizado pelo fígado. Os dados sugerem que a sua eliminação pode ser mais lenta em indivíduos com comprometimento hepático grave e isso pode levar a um acúmulo aumentado de Casodex. Portanto, deve ser usado com cautela em pacientes com comprometimento hepático moderado ou grave. Controles periódicos de função hepática devem ser considerados face à possibilidade de alterações. Foi observada uma redução na tolerância à glicose, portanto, a glicose sanguínea de pacientes que recebem Casodex em combinação com agonistas LHRH deve ser monitorada. Uso durante a gravidez e lactação: Casodex é contraindicado para mulheres e não deve ser administrado a gestantes ou mulheres que estejam amamentando.

Interação com outros medicamentos

Não há evidência de interações farmacocinéticas ou farmacodinâmicas entre Casodex na dose de 50 mg ao dia e análogos do LHRH. Recomenda-se que, ao se iniciar o tratamento com Casodex em pacientes que estejam recebendo anticoagulantes cumarínicos, o tempo de protrombina seja monitorizado cuidadosamente.

Superdose

Não há experiência com superdosagem em humanos. Não há antídoto específico e o tratamento deve ser sintomático. Uma vez que Casodexpossui alta taxa de ligação às proteínas e não é recuperado inalterado na urina, o procedimento de diálise pode não ser útil. Cuidados gerais de suporte, incluindo monitorização frequente dos sinais vitais, são indicados.

Informação técnica

Casodex®(bicalutamida)é um antiandrogênio não-esteroidal, destituído de qualquer outra atividade endócrina. Ele se liga aos receptores androgênicos sem ativar a expressão gênica e, assim, inibe o estímulo androgênico. A regressão dos tumores prostáticos resulta dessa inibição. Casodex é bem absorvido após administração oral. Não há evidência de efeito clinicamente relevante dos alimentos sobre sua biodisponibilidade.

Farmacocinética

Casodex®(bicalutamida)é um antiandrogênio não-esteroidal, destituído de qualquer outra atividade endócrina. Ele se liga aos receptores androgênicos sem ativar a expressão gênica e, assim, inibe o estímulo androgênico. A regressão dos tumores prostáticos resulta dessa inibição. Casodex é bem absorvido após administração oral. Não há evidência de efeito clinicamente relevante dos alimentos sobre sua biodisponibilidade.

Dizeres legais

VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA.
MS - 1.1618.0062

Medicamentos relacionados com CASODEX

Indicado para o tratamento de:

Publicidade

iVademecum © 2016 - 2019.

Politica de Privacidade
Disponible en Google Play