CLOPIXOL ACUPHASE

1945 | Laboratório LUNDBECK

Descrição

Princípio ativo: Zuclopentixol,
Ação Terapêutica: Antipsicóticos

Apresentação

CLOPIXOL - ACUPHASE Injetável. Embalagem contendo 1 ampola de 1 ml. Cada ampola de 1 ml contém 50mg/ml de acetato de zuclopentixol em óleo vegetal (Viscoleo®).

Indicações

Tratamento inicial das psicoses agudas, incluindo mania e exacerbações agudas das psicoses crônicas.

Dosagem

Adultos: CLOPIXOL-ACUPHASE é administrado por via intramuscular. A tolerabilidade local é boa. A dose deve ser ajustada individualmente de acordo com a condição do paciente. A dose varia normalmente entre 50 a 150mg (1-3 mL) IM repetidos, se necessário, preferivelmente com intervalos de 2 a 3 dias. Em alguns poucos pacientes pode ser necessária uma injeção adicional 24 a 48 horas após a primeira injeção. O tratamento de manutenção deve prosseguir com CLOPIXOL Oral ou CLOPIXOL Depot IM segundo as seguintes regras: 1) Conversão para CLOPIXOL Oral- 2 a 3 dias após a última injeção de CLOPIXOL-ACUPHASE, o paciente que vem sendo tratado com 100mg de CLOPIXOL-ACUPHASE, deve iniciar uma dose oral de aproximadamente 40mg/dia, em doses divididas. Caso necessário, aumentar a dose em 10-20mg cada 2 ou 3 dias até 75mg/dia ou mais. 2) Conversão para CLOPIXOL Depot- Junto com a última injeção de CLOPIXOL-ACUPHASE (ex: 100mg) aplicar 200-400mg IM de CLOPIXOL Depot. A dose de CLOPIXOL Depot deve ser repetida a cada 2 semanas. CLOPIXOL-ACUPHASE e CLOPIXOL Depot podem ser misturados na mesma seringa e aplicados em uma mesma injeção (co-injeção). CLOPIXOL-ACUPHASE só deve ser misturado ao CLOPIXOL Depot contendo o mesmo óleo vegetal, Viscoleo®. Crianças: Não se recomenda o uso de zuclopentixol em crianças, uma vez que a segurança desse fármaco não está estabelecida para crianças.

Contra-indicações

CLOPIXOL-Acuphase é contra-indicado em pacientes que apresentam hipersensibilidade a qualquer um de seus componentes. Também é contra-indicado em intoxicações agudas por álcool, barbitúricos, ou opiáceos e em estados comatosos.

Reações Adversas

Neurológicas: Podem ocorrer sintomas extrapiramidais. Na maioria dos casos estes efeitos colaterais podem ser controlados satisfatoriamente através de drogas antiparkinsonianas. O uso profilático de rotina de medicação antiparkinsoniana não é recomendado. Autonômicas: Boca seca e distúrbios de acomodação. Distúrbios urinários são raros. Cardiovasculares: Podem ocorrer lipotímia e taquicardia. Hipotensão ortostática é rara. Hepáticas: Podem ocorrer alterações leves e transitórias dos testes de função hepática.

Interação com outros medicamentos

O CLOPIXOL-ACUPHASE pode aumentar a resposta ao álcool e os efeitos dos barbitúricos e outros depressores do SNC. O CLOPIXOL-ACUPHASE não deve ser utilizado concomitantemente com a guanetidina ou compostos de ação similar já que os neurolépticos podem bloquear o efeito anti-hipertensivo destes compostos. O CLOPIXOL-ACUPHASE reduz o efeito da levodopa e dos fármacos adrenérgicos. O uso concomitante da metoclopramida e piperazina aumenta o risco de sintomas extrapiramidais.

Superdose

O conjunto dos seguintes sinais e sintomas pode indicar superdosagem: sonolência, coma, sintomas extrapiramidais, convulsões, hipotensão, choque, hipo ou hipertermia. Conduta na superdosagem: Tratamento sintomático e de suporte. Instituir medidas de suporte dos sistemas respiratório e cardiovascular. Não se deve utilizar epinedrina (adrenalina) pois pode resultar em redução ainda maior dos níveis tensionais. Convulsões podem ser tratadas com diazepam e os sintomas extrapiramidais com biperideno. Recomendações especiais: A síndrome neuroléptica malígna (SNM) é uma complicação rara, porém potencialmente fatal ao uso de substâncias neurolépticas. Os sinais cardinais do SNM são hipertermia, rigidez muscular e flutuação do nível de consciência, associados à disfunção autonômica (pressão sangüínea lábil, taquicardia, sudorese). Além da imediata interrupção da medicação neuroléptica são vitais a instituição de medidas de suporte geral e tratamento sintomático. TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS. VENDA SOB PRESCRIÇÃO MÉDICA. SÓ PODE SER VENDIDO COM RETENÇÃO DA RECEITA. A PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO.
Reg. M.S.: 1.0475.0045.005-8.

Informação para o paciente

O CLOPIXOL-ACUPHASE faz parte de um grupo farmacológico, os tioxantenos, que agem sobre sintomas psicóticos como as alucinações e delírios, a agitação, agressividade e hostilidade presentes na esquizofrenia e outros distúrbios psicóticos. Os efeitos são notados nas primeiras horas após a injeção intramuscular ocorrendo rapidamente redução da agitação e agressividade. A rapidez da ação somada ao efeito depressor e sedativo inicial o torna indicado no tratamento inicial das psicoses crônicas como esquizofrenia. CLOPIXOL-ACUPHASE deve ser conservado em temperatura máxima de 30° C, protegido da luz. O prazo de validade desse produto é de 24 meses e encontra-se gravado na embalagem externa. Em caso de vencimento, inutilize o produto. Informe seu médico a ocorrência de gravidez na vigência do tratamento ou após o seu término. Informar ao médico se está amamentando. Siga a orientação do seu médico, respeitando sempre os horários, as doses e a duração do tratamento.Quando suspender o tratamento: Não interromper o tratamento sem o conhecimento do seu médico;somente ele saberá o momento de suspender o tratamento. Quando isso acontecer deverá ser feito de forma gradual. Este medicamento é bem tolerado pela maioria dos pacientes, porém informe seu médico o aparecimento de reações desagradáveis tais como, tremores, palpitações, vertigens ou dificuldades ao urinar. TODO MEDICAMENTO DEVE SER MANTIDO FORA DO ALCANCE DAS CRIANÇAS. CLOPIXOL-ACUPHASE não deve ser administrado junto com bebidas alcoólicas ou barbitúricos. Informe seu médico sobre qualquer medicamento que esteja usando, antes do início ou durante o tratamento. A capacidade de dirigir veículos ou de operar máquinas pode ser afetada. Portanto, deve-se tomar cuidado, sobretudo no início do tratamento. NÃO TOME REMÉDIO SEM O CONHECIMENTO DO SEU MÉDICO, PODE SER PERIGOSO PARA SUA SAÚDE.

Informação técnica

Efeitos farmacológicos e modo de ação: O zuclopentixol é um derivado tioxanteno com pronunciado efeito antipsicótico e específico efeito depressor. O efeito antipsicótico dos neurolépticos é normalmente relacionado à capacidade deles bloquearem os receptores de dopamina, o que parece desencadear uma cadeia de reações já que outros sistemas neurotransmissores também são influenciados. Uma injeção única de CLOPIXOL-ACUPHASE garante uma rápida e pronunciada redução dos sintomas psicóticos. A duração da ação é de 2 a 3 dias e normalmente são necessárias apenas 1 a 2 injeções de CLOPIXOL-ACUPHASE antes de prosseguir com tratamento oral ou Depot. CLOPIXOL-ACUPHASE induz uma sedação transitória dose dependente. Tal sedação inicial é freqüentemente vantajosa na fase aguda das psicoses na medida em que acalma o paciente no período que acontece a instalação de efeito antipsicótico específico. A sedação inespecífica está presente logo após a injeção, é significativa 2 horas depois, e alcança seu máximo em torno de 8 horas. A seguir, declina substancialmente e permanece leve mesmo com a repetição das injeções. O efeito depressor específico do CLOPIXOL-ACUPHASE o torna particularmente útil no tratamento de pacientes psicóticos que estejam agitados, inquietos, agressivos ou hostis. Farmacocinética:Após a injeção, o acetato de zuclopentixol sofre uma quebra enzimática para o componente ativo, o zuclopentixol e ácido acético. A concentração sérica máxima de zuclopentixol é alcançada em um período que vai de 24 a 48 horas com uma média de 36 horas após a injeção e, a seguir, a curva sérica começa a declinar vagarosamente. Três dias após a injeção o nível sérico corresponde a aproximadamente um terço do máximo. Seus metabólitos são desprovidos de atividade. A excreção se dá principalmente através das fezes mas também, em alguma medida através da urina. O zuclopentixol atravessa a barreira placentária e passa para o leite materno em quantidades pequenas.

Farmacocinética

Efeitos farmacológicos e modo de ação: O zuclopentixol é um derivado tioxanteno com pronunciado efeito antipsicótico e específico efeito depressor. O efeito antipsicótico dos neurolépticos é normalmente relacionado à capacidade deles bloquearem os receptores de dopamina, o que parece desencadear uma cadeia de reações já que outros sistemas neurotransmissores também são influenciados. Uma injeção única de CLOPIXOL-ACUPHASE garante uma rápida e pronunciada redução dos sintomas psicóticos. A duração da ação é de 2 a 3 dias e normalmente são necessárias apenas 1 a 2 injeções de CLOPIXOL-ACUPHASE antes de prosseguir com tratamento oral ou Depot. CLOPIXOL-ACUPHASE induz uma sedação transitória dose dependente. Tal sedação inicial é freqüentemente vantajosa na fase aguda das psicoses na medida em que acalma o paciente no período que acontece a instalação de efeito antipsicótico específico. A sedação inespecífica está presente logo após a injeção, é significativa 2 horas depois, e alcança seu máximo em torno de 8 horas. A seguir, declina substancialmente e permanece leve mesmo com a repetição das injeções. O efeito depressor específico do CLOPIXOL-ACUPHASE o torna particularmente útil no tratamento de pacientes psicóticos que estejam agitados, inquietos, agressivos ou hostis. Farmacocinética:Após a injeção, o acetato de zuclopentixol sofre uma quebra enzimática para o componente ativo, o zuclopentixol e ácido acético. A concentração sérica máxima de zuclopentixol é alcançada em um período que vai de 24 a 48 horas com uma média de 36 horas após a injeção e, a seguir, a curva sérica começa a declinar vagarosamente. Três dias após a injeção o nível sérico corresponde a aproximadamente um terço do máximo. Seus metabólitos são desprovidos de atividade. A excreção se dá principalmente através das fezes mas também, em alguma medida através da urina. O zuclopentixol atravessa a barreira placentária e passa para o leite materno em quantidades pequenas.

Indicado para o tratamento de:

Publicidade

iVademecum © 2016 - 2020.

Politica de Privacidade
Disponible en Google Play